Legenda da Imagem: Vereador Véinho exigiu normalização dos serviços essenciais da Saúde

Dentre os serviços essenciais, Véinho elencou exames de ultrassonografia e atendimentos psiquiátricos

 

A Câmara Municipal de Jandira aprovou o requerimento 91/20, redigido pelo vereador Josenildo Ribeiro de Freitas (PL), o Véinho, durante a 9ª sessão ordinária, realizada em 12 de maio de 2020. Nele, Véinho pediu à Prefeitura, em caráter de extrema urgência, o retorno das atividades essenciais na área da Saúde, como o ultrassom e os atendimentos psiquiátricos, dentre outros serviços. O parlamentar argumentou que o quadro de saúde dos pacientes tende a se agravar devido à demora na realização de exames e consultas.

Outra preocupação de Véinho foi em relação ao ensino à distância no município. Por intermédio do requerimento 92/20, ele cobrou a elaboração de apostilas ou a disponibilização de atividades pedagógicas já impressas nas secretarias das escolas municipais, para que todos os pais possam ter acesso às tarefas dos filhos. “Muitas famílias têm me procurado informando que não têm acesso à Internet em suas residências, condição financeira para pagar pelas impressões nas papelarias, tampouco um computador com impressora para que possam acompanhar as atividades dos seus filhos”, desabafou em texto.