Fábio Betera criticou projeto que viabiliza privatização da empresa, em tramitação no Congresso; para o vereador, debate sobre o tema deveria contar com a participação de representantes dos municípios

 

A Câmara Municipal de Jandira aprovou uma moção pela manutenção da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos como empresa pública. O documento foi colocado pelo vereador Fábio Camilo dos Santos (PT), o “Fábio Betera”, na 21ª Sessão Ordinária ocorrida no dia 10 de agosto de 2021.

O autor justificou que a privatização contraria o interesse coletivo, considerando que os Correios figuram entre as estatais mais antigas e eficientes do País. Betera lembrou que os Correios são os responsáveis por entregar material e livro didático, transportar urnas eletrônicas e distribuir as provas do ENEM (Exame Nacional do Ensino Médio). “Como empresa pública [os Correios] garantem uma política de tarifas e preços justos e acessíveis”, frisou.

Segundo o parlamentar, a venda dos Correios pode precarizar o serviço postal, já que não haveria a garantia da universalização do serviço, como demonstra a experiência de privatização em outros países. O texto sugeriu ainda a ampliação do debate sobre o tema com a participação de representantes dos municípios brasileiros, que devem ser afetados pela mudança.