Legenda da Imagem: Wanderlei Pato)

Todo domingo trânsito dá lugar à prática de esportes no Corredor Oeste; vereador Wanderlei Pato pretende estender o horário em uma hora

A Câmara Municipal de Jandira aprovou na 21ª sessão ordinária, em 25 de junho de 2019, o requerimento 218/19, elaborado pelo vereador Wanderlei Lopes dos Reis, o “Wanderlei Pato”. O texto pediu à Prefeitura a ampliação do horário de funcionamento do chamado Corredor da Alegria. Atualmente, uma parte do Corredor Oeste fica fechada para veículos aos domingos, das 7h às 12h, a fim de que as famílias jandirenses tenham mais um lugar para a prática esportiva. No entanto, Wanderlei pediu ao poder executivo que esse horário fosse estendido até às 13h.

O parlamentar argumentou que esse é um pedido constante dos próprios munícipes. Além disso, salientou a importância do projeto Corredor da Alegria para a cidade de Jandira, em especial como incentivo ao lazer e à prática esportiva. Durante o momento de discussão dos requerimentos, Wanderlei Pato compartilhou: “Eu quero falar sobre o Corredor da Alegria. O pessoal do Sagrado [Coração], Analândia, os moradores da região estão curtindo muito. Gostaria de parabenizar o Franklin pela iniciativa! É um sucesso, o pessoal do Sagrado está se alegrando muito. E, através desse requerimento 218/19, estou pedindo para estender por mais uma hora, pois muitas das vezes as pessoas, num domingo, acordam um pouquinho mais tarde e, quando vai ver, a via já está abrindo de novo”.

Na mesma ocasião, Wanderlei Pato também apresentou a Moção de Aplausos 007/19, na qual homenageou toda a gestão administrativa e pedagógica do Centro Estadual de Educação de Jovens e Adultos (CEEJA) “Deputado Guilherme de Oliveira Gomes”, localizado no município de Osasco. Ele frisou que a finalidade da moção era reconhecer a importância dos trabalhos desenvolvidos pela instituição.

Segundo o vereador, os profissionais do CEEJA “Deputado Guilherme de Oliveira Gomes” atuam com empenho e compromisso aos deveres, dedicação à profissão, além de demonstrarem amor e paciência com os alunos. Para ele, tudo isso culmina em resultados positivos não só para os estudantes, mas para a sociedade como um todo.