Elaborada pelo vereador Pastor Gilson, proposta tem o intuito de identificar os infectados pela doença, minimizando o risco de novas contaminações

 

A Câmara Municipal de Jandira aprovou por unanimidade o Projeto de Lei nº 24/21 durante a 11ª Sessão Ordinária, realizada em 04 de maio de 2021. De autoria do vereador Gilson Rodrigues de Souza (PRTB), o “Pastor Gilson”, a matéria pretende autorizar o Poder Executivo a firmar convênios com laboratórios e prefeituras para testagem em massa da população jandirense para a COVID-19.

“A proposta deste projeto de lei está na prevenção, por meio de um programa de testagem em massa com planejamento, para facilitar as medidas de combate à COVID-19”, justifica o autor. O texto prevê ainda que a execução dos testes seguirá os critérios e planejamento estabelecidos pela Secretaria Municipal de Saúde da cidade. Além disso, os preços praticados pelo laboratório deverão ser os mesmos constantes na tabela do SUS (Sistema Único de Saúde).

Na ocasião, Pastor Gilson também colocou em votação dois requerimentos. O primeiro, de número 186/21, solicitou à Prefeitura o recapeamento asfáltico das ruas Itambé, Igaro, Itajaí, Iguaçu e Elza Ghedini, localizadas no Jardim Nossa Senhora de Fátima. Segundo o parlamentar, a situação das vias está crítica, o que dificulta o tráfego e potencializa o risco de acidentes.

Por sua vez, o requerimento 188/21 sugeriu a instalação de câmeras de segurança nos seguintes espaços públicos: ginásio de esportes do Brotinho, EMEB Vivico Pereira, EMEB Leonel de Moura Brizola Engenheiro, EMEB Comecinho de Vida, EMEB Pedrina Benedita Dias, EMEB Antônio de Oliveira, EMEIEF Satiro Alves de Souza, CRAS do Sagrado Coração e cemitério municipal. Para o vereador, a iniciativa deve inibir o descarte irregular de entulho nos locais.