NOTICIAS    
 

 
     
 

Alunos com diabetes poderão ter alimentação diferenciada na escola 

Projeto aprovado pela Câmara estende benefício também a estudante obeso ou com hipertensão 

Estudantes diabéticos, hipertensos ou obesos poderão receber na escola uma alimentação diferenciada para prevenir o agravamento dessas doenças. É o que propõe projeto aprovado na 38ª sessão ordinária da Câmara Municipal de Jandira (21/11), de autoria conjunta dos vereadores Josenildo Ribeiro de Freitas (PR), o “Véinho”, e Marcos Danilo de Sousa (PV), o “Markinhos”

Denominado “Programa de Alimentação Diferenciada para Crianças Portadoras de Diabetes, Hipertensão e Obesidade na Rede Municipal de Ensino”, a medida prevê o fornecimento de merenda composta por alimentos considerados saudáveis a estes estudantes, a partir da elaboração de um cardápio especial pela Secretaria Municipal de Saúde. O diagnóstico destes estudantes também deverá ser disponibilizado pela pasta à Secretaria de Educação. 

“Há necessidade de se tratar a educação alimentar como uma política pública interdisciplinar e prioritária para que a população brasileira possa apresentar melhores indicadores de saúde”, traz a justificativa do projeto, assinada por Véinho e Markinhos. “A discussão teórica do tema educação alimentar nas escolas e a prática da alimentação saudável na merenda escolar são duas iniciativas muito importantes no combate aos indicadores de obesidade”, afirmam os parlamentares. 

Para virar lei, o projeto depende ainda de sanção do prefeito de Jandira.

 
Últimas Noticias